Notícias

Se você treina CrossFit, é profissional da área de educação física ou simplesmente se interessa por assuntos relacionados ao esporte, com certeza já deve ter encontrado o termo “mobilidade” no CrossFit e, como ela é importante para o desenvolvimento físico de qualquer pessoa.

O assunto está na moda, e naturalmente acaba surgindo várias informações erradas, sem nenhuma base cientifica e que apenas servem para confundir quem está atrás de informações realmente relevantes.

Pensando nisso, resolvemos explicar um pouco sobre o que é e por que o treino de mobilidade é tão importante.

O QUE É MOBILIDADE?

Podemos definir a mobilidade como a capacidade de se movimentar uma determinada área do corpo por uma grande amplitude de movimento.

Todas as partes do nosso corpo possuem um limite natural de movimento, que serve como um mecanismo contra lesões de nossas articulações, como calcanhares, pélvis, joelhos, ombros, etc.

Porém a prática esportiva inadequada, longos períodos na posição sentada ou atividades diárias inapropriadas podem ocasionar uma diminuição considerável nessa amplitude de movimento. A falta de mobilidade de uma articulação pode levar ao aumento do stress das articulações vizinhas, e consequentemente às lesões.

MOBILIDADE X FLEXIBILIDADE

Ao contrário da mobilidade, que é treinada a partir de movimentos voluntários, a flexibilidade é adquirida através de movimentos passivos e estáticos que não geram nenhuma força para a região trabalhada.

Uma abertura de pernas completa, por exemplo, não é sinônimo de alta mobilidade, uma vez que ela pode ocorrer por ações ou forças externas, como aparelhos específicos, ajuda de outra pessoa ou até mesmo da própria gravidade.

Ou seja, uma pessoa com ótima mobilidade não é necessariamente flexível, e ter flexibilidade não é a mesma coisa que ter mobilidade.

A MOBILIDADE NO CROSSFIT

Como no CrossFit existem uma variedade enorme de exercícios e variações de movimento, a mobilidade é considerada por muitos especialistas o principal requisito para execução correta das técnicas e prevenção de lesões.

Obviamente uma boa mobilidade no Crossfit não se consegue da noite pro dia. São necessários treinos específicos, com profissionais certificados e postura correta.

Em primeiro lugar, é preciso compreender que no CrossFit geralmente as pessoas vêm de um backgrounds totalmente distintos. Por isso, alguns praticantes podem ser mais flexíveis que os outros ou terem vícios dos treinos de academia, que priorizam muito pouco exercícios naturais e com alta amplitude de movimento.

Isso significa que a execução correta dos exercícios é fundamental para o desenvolvimento de força e mobilidade.

O treino de mobilidade consiste numa série de movimentos completos que visam desenvolver a força e flexibilidade do praticante, além de tendões e articulações mais fortes e resistentes às diferentes cargas de exercícios, seja na Box de CrossFit ou na vida cotidiana.

Lembrando que é muito importante treinar CrossFit com profissionais certificados, pois eles serão os responsáveis por te dizer quais exercícios devem ser executados, em qual intensidade e – principalmente – corrigir sua postura durante todo o processo.

Fonte: www.crossfithighpulse.com.b

Atleta do CrossFit Viçosa @pedropbmartins

A capacidade mental de cada atleta é que vai poder lhe proporcionar a realização de suas metas de modo efetivo. À medida que se concretiza o trabalho para aumentar esta capacidade mental, consequentemente, são reforçados fatores psicológicos que exercem influência significativa em importantes características pessoais, como autoestima e valores morais.

Em estudo realizado com especialistas em Psicologia do Esporte (GOULD, TAMMEN, MURPHY & MAY *, 1989, citado por GOULD & DAMARJIAN, 2000), sobre os tópicos mais utilizados por eles em consultórios, relacionados ao desempenho e os não relacionados ao desempenho, tanto em consultas individuais como em grupo, ficou com o tópico autoestima a maior nota, referindo-se aos não relacionados ao desempenho. Portanto, para eles a autoestima tem sua importância, porém não é relacionada diretamente ao desempenho.

 Juntamente com o lar e os meios ambientes próximos, o mundo do esporte competitivo pode ser uma importante incubadora para produzir atletas inseguros que desenvolvem uma necessidade em defender a autoestima deles, conforme STEVE BERGLAS*, Psicólogo da Escola Médica de Harvard. (citado por CLARKSON, 1999). Quando o indivíduo tem um foco específico de competição vindo de uma infância prematura, ele está incrivelmente dependente daquela competição, isto pode vir a ser tudo e o fim de tudo na autoestima de um homem.

 A autoestima, assim como os outros aspectos psicológicos terá sua particularidade em cada desportista. É possível observar que a pressão existente no ambiente esportivo vai ter como reflexo em cada participante uma variação de autoestima positiva e negativa ou até mesmo sua ausência. Mesmo que o atleta apresente autoestima negativa, se ela tiver utilidade para sua produtividade ele a manterá. Da mesma forma, essa pressão poderá servir como um estímulo para o reforço de uma autoestima positiva.

Numa situação competitiva a exposição de um atleta é evidente, e se ele apresenta uma baixa autoestima estará muito vulnerável ao julgamento dos outros, incluindo-se entre eles torcida, técnico, companheiros de equipe e imprensa. Muitas vezes o atleta opta em função disto, não perder, ou seja, não se arrisca muito para não ser inadequado, ao invés de investir para vencer e ser o melhor, até mesmo porque não acredita em seu talento e capacidade.

Teóricos consideram que geralmente a autoestima é influenciada e formulada por “feedback” vindo do meio ambiente, e o aumento da autoestima é normalmente considerado como um processo que requer assimilação de “feedback” positivo, sucesso ou senso de competência elevado. 

Atletas do CrossFit Viçosa:

@pedropbmartins

@jeff.olliver

@tulioar

 

O QUE É O CROSSFIT?

O CrossFit é um conjunto de programas de treinamento físico que se baseia em diversos movimentos funcionais, todos eles realizados em alta intensidade e variados. Esses movimentos, normalmente, estão ligados a três tipos de modalidades: levantamento de peso olímpico, ginástica olímpica e condicionamento metabólico, ou também cardio.

CROSSFIT É PERIGOSO?

Crossfit é perigoso. Mas só se você estiver indisposto a aprender. Crossfit é tão perigoso quanto qualquer outro esporte onde você não está devidamente treinado. Eu entendo que a complexidade dos levantamentos de Crossfit não se pode comparar com o arremesso de um lance livre, mas em última análise, cabe ao atleta aperfeiçoar seus movimentos antes de subir de peso.

COMO É O TREINO?

Normalmente, os treinos de Crossfit são realizados em ambientes abertos. Cada sessão dura, em média, 60 minutos e deve ser acompanhada por um instrutor capacitado. 

A TERMINOLOGIA CROSSFIT É MUITO COMPLICADA?

Os treinadores vão repetir a terminologia e demonstrar os movimentos tantas vezes quanto necessários, fixando em sua cabeça todos os nomes. Portanto, não surte e vá para sua aula básica sem conhecimento do Crossfit, pois o objetivo destas primeiras aulas é justamente te explicar um pouco mais do funcionamento do Crossfit.

CROSSFIT E A DIETA PALEO SEMPRE CAMINHAM JUNTOS?

PALEO é popular na comunidade Crossfit, e se você está procurando uma dieta para acomodar o seu plano de musculação, dê uma chance. Mas você não está obrigado a começar uma dieta PALEO porque você começou o Crossfit. Se a sua dieta está funcionando para você, mantenha-a do jeito que está.

VOCÊ TEM QUE CONTINUAR ADICIONANDO PESO NO CROSSFIT?

Crossfit vai fazer você mais forte, mas você não tem que adicionar peso se você não quer. Se você está tentando manter certo corpo e ainda está recebendo um bom treino, não há motivo para assustar-se que você tem que ir mais pesado. Vou acrescentar que você provavelmente vai querer ir mais pesado, porém, porque você vai notar que a sua força está melhorando.

CROSSFIT É UM ESPORTE?

O Crossfit é considerado o esporte do fitness – o método tenta promover a camaradagem natural, competição saudável e a diversão do esporte, ao manter tempos, marcações e definir regras e padrões de desempenho.

 -

O Plamhuv está patrocinando os atletas do Box CrossFit Viçosa!

Acesse nossas redes sociais e conheça o melhor do CrossFit! 

Instagram:

@fundacaoplamhuv

@crossfitvicosa

Atletas: Kamilla, Pedro, Túlio, Motta, Jeferson

Mais lidas

Filtro por data

« Fevereiro 2018 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28